30
Mai 08

Aqui nós temos os fundadores do Thrash sombrio e demoniaco pelo qual o Brasil ficou conhecido nos anos 80. Por volta de 1980 o guitarrista e fã do BLACK SABBATH, Zhema, fundou com 2 amigos o ASTAROTH. Em 1982 eles mudaram o nome para VULCANO. A roupa da banda foi uma das primeiras extremas do país, repleta de pregos e correntes. Já em 1983, eles lançaram seu próprio single de 7 polegadas, o qual continha um Metal selvagem e tosco. Em 1984, Zhema foi expulso da banda e do SATANIC trouxeram o cantor, Angel, o baterista e o guitarrista. Ele próprio trocou para o baixo e começaram a cantar em inglês. Em 1985, tocaram no grande festival de Americana diante de 1000 pessoas e este show foi lançado como LP ao vivo com uma qualidade de som muito ruim.

Aqui, agora, eles tocavam um Thrash extremo com letras satânicas. O primeiro LP de estúdio contém o mesmo tipo de letras e traz um Thrash selvagem e um tanto quanto simples. Depois, em 1986, Zhema volta às guitarras e eles abrem para o VENOM e o EXCITER diante de 10000 pessoas. Nos LPs seguintes, eles continuam com o Thrash selvagem e simple mas especialmente o álbum "Antrophagy" seria apreciado por fãs interessados. Em 1991 a banda deu uma parada e somente em 1996 voltaram a tocar juntos novamente (com o vocalista Angel, o baterista Arthur da velha banda ANGEL). Em 1997, apresentaram-se ao vivo, desta vez com o baterista original Laudier e o vocalista Fernando (do CHEMICAL DESASTER, ele permaneceu como integrante por 10 anos e gravou com eles em 1993 o LP "Ressurrection" e em 2000 um álbum em CD).

Eles gravaram também 3 músicas que foram usadas como bônus para o relançamento do àlbum "Live" de 1985. Então deram uma hibernada e somente em 2000 escreveram músicas para um novo álbum, gravado em 2002 e lançado em 2004. O novo CD é um Thrash selvagem e barulhento, como nos anos 80! Os vocais de Angel é mais direcionado ao Death Metal, mas também calcado no estilo oitentista e não nestas porcarias modernosas! Este é um grande recomeço para a banda, o qual, esperamos, traga algum reconhecimento internacional! É impressionante como a banda foi prejudicada e enganada ao longo dos anos! Os álbuns "Bloody Vengeance" e " Antropophagy" foram licenciados pela gravadora italiana "Metalworks". Zhema enviou as "master tapes" para a Itália, eles lançaram o Bloody Vengeance com uma capa meia boca, mas Zhema nunca recebeu um centavo pelo álbum e nem as "master tapes" retornaram a seu dono, estão perdidas agora....

O álbum "Ratrace" foi lançado somente por uma companhia britânica (nem no Brasil foi lançado). Eles pagaram pelas gravações, mas nenhum penny pelas vendas e nunca enviaram sequer uma cópia do CD / LP para a banda!! No ano de 2001 o guitarrista Junior Soto morreu devido a problemas de coração. Ele lançou em 1984, sob o nome SOTO, um single 7" chamado "Tribute a Gilles Villeneuve" (junto com o baterista Laudier). Zhema toca hoje em dia numa banda cover do Creedence Clearwater Revival junto com o Paulo (Centurias) chamada TRAVELLING MAN. O primeiro LP é difícil de encontrar hoje em dia e pelo single 7" as pessoas chegam a pagar mais de 100 dólares.


Om Pushne Namah

Download "Om Pushne Namah"


Live

Download "Live"


Bloody Vengeance

Download "Bloody Vegeance"
creditos lagrimas psicodelicas
publicado por wlasol às 19:39
tags:

Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

14

21
23
24

27
29


arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO